SOBRE O MAESTRO

BIOGRAFIA

Maestro e violinista, estudou com os professores João Del Fiol, Wanderley Pizzigatti, Paulo Bosísio, mas sua grande influência foi o célebre violinista Natan Schwartzmann (aluno de Ivan Galamian). Virtuose, com uma sonoridade incomparável, técnica excepcional elogiada pelos maiores músicos de sua época, fez Adriano vencer vários concursos dos quais participou.


Ter estudado com Natan proporcionou-lhe uma formação que sempre o colocou entre os mais bem preparados músicos do Brasil, dando-lhe a oportunidade de freqüentar classes com professores como Ayla Erduran (Turquia) e Ion Voicu (Romênia).

Como violinista tocou nas principais orquestras do país como, "Oquestra Experimental de Repertório", "Orquestra Municipal de São Paulo", "Orquestra Sinfônica da USP", "Orquestra Sinfônica de Brasilia", "Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo OSESP", entre outras.


Assumiu relevantes cargos, como: fundador e regente da Orquestra de Câmara Tatuí, Regente-adjunto do Festival de Inverno de Campos de Jordão (1998 e 2002), Regente Titular da Orquestra de Câmara do III Festival de Maringá (1998), coordenador pedagógico do Festival de Inverno de Campos de Jordão núcleo de Bandas (2001), Coordenador da Área de Cordas e Coordenador Pedagógico do Conservatório de Tatuí de 1990 à 2008. Assumiu a regência da Orquestra Sinfônica Paulista executando os principais repertórios da música erudita e tendo sob sua batuta grandes solistas de nomes nacionais e internacionais.


Paralelamente desenvolveu trabalhos na área da música popular realizando com a "Orquestra Sinfônica Villa Lobos", trabalhos por todo o Brasil, em parcerias com produtoras as maiores produtoras de eventos no país. Recebendo sempre elogios pela qualidade dos seus músicos e escolha dos repertórios. Como Produtor Musical, arranjador, maestro e violinista dirigiu a gravação de vários CDs e DVDs e acompanhou turnês e Shows de renomados artistas da música nacional e internacional

 

SHOWS

O talento e capacidade de compreensão músicas ímpar fez com que Adriano derrubasse a barreira dos estilos musicais transformando seu hobby, a música popular, em verdadeira profissão com a união de suas experiências e a criação da Orquestra Sinfônica Villa Lobos. 

 

Adriano já dividiu palco e projetos com alguns dos artistas mais conhecidos do país e exterior tendo prazer de estar em trabalhos com disco de platina e ganhadores de prêmios como o Grammy.

 

Participou da turnê dos shows acústicos do Roupa Nova no Brasil e em Portugal, turnê Marabrás com Zezé di Camargo e Luciano, turnê com Bruno e Marrone, entre muitos outros. Adriano também se orgulha em ter participado de gravações de grande sucesso desde "É o Amor" de Zezé di Camargo e Luciano, a emocionante "Pai" de Fábio Jr. até os novos sucessos do artista brasileiro mais escutado no mundo, o DJ Alok. (mais detalhes sobre as músicas e gravações em Discografia)

Além dos diversos trabalhos com artistas nacionais Maestro Adriano liderou a orquestra com artistas internacionais incríveis, que fazem parte da história mundial da música. O shows e turnês com Elvis Presley in Concert (com a banda original do Elvis), The Australian Bee Gees, Uma noite em Buenos Aires (com os músicos do grande compositor Astor Piazzola), Video Games Live, Dione Warwick, e gravações com Michael W. Smith, Abraham Laboriel e Tom Brooks (no DVD da Aline Barros) são alguns dos exemplos de como o talento de Adriano ultrapassou fronteiras.

 

CONCERTOS

A música clássica foi o ambiente de formação de Adriano Machado. Sua técnica e sintonia com instrumento e orquestra fizeram com que o maestro fosse reconhecido em todo Brasil quando ainda era muito jovem, vencendo inúmeros concursos e iniciando a lecionar em escolas e faculdades de música com apenas 16 anos.

Assim que se formou no conservatório de Tatuí, à época o maior da América Latina, ingressou como professor na escola e rapidamente assumiu cargos relevantes de coordenação e gestão. Sempre com um perfil arrojado e empreendedor trouxe inovação nas áreas que geriu, levou para a escola professores do mais alto nível e fundou orquestras, sempre visando o crescimento da importância musical em âmbito nacional.

Como maestro já executou obras de alto nível técnico sempre com solistas de grande relevância,  sendo sempre elogiado por sua interpretação, liderança e sonoridade alcançada.

Dentre as gravações que esteve presente estão:

  • CD da OSESP - Inauguracão da SALA SÃO PAULO

  • CD Clássicos SP Vias -  Institucional SP VIAS

  • CD Edino Krieger – Institucional ALCOA (Orquestra de Câmara Villa Lobos)

  • CD “Orquestra de Câmara Tatuí in Concert”

  • CD do Prêmio Eldorado com Edson Beltrami (FLAUTA) 

  • CD “Imagens” - Orquestra de Câmara Tatuí

 

DISCOGRAFIA